The news is by your side.

Aliado de Moro, Álvaro Dias recebeu doação de doleiro preso na Lava Jato

 

Preso pela Lava Jato, Alberto Youssef doou para a campanha eleitoral do senador Álvaro Dias (Podemos-PR). Atualmente, o parlamentar é o principal aliado de Sergio Moro, ex-juiz da operação.

As doações foram viagens em jatinhos cedidos pelas empresas de Youssef que foram realizadas por Dias durante a disputa eleitoral de 1998. O atual aliado de Sergio Moro, na época, fazia parte dos quadros dos PSDB do Paraná. Ele já havia sido governador do Estado e se elegeu naquele ano pela primeira vez para o cargo de senador.

De acordo com o jornal Folha de S.Paulo, “as informações estão na prestação de contas de Dias entregue naquele ano à Justiça Eleitoral no Paraná”.

As empresas utilizadas foram a Marino Táxi Aéreo e a Youssef Câmbio & Turismo. O valor em horas de voo delas foi, respectivamente, R$ 9,8 mil e R$ 11,2 mil, somando, portanto, R$ 21 mil. A quantia equivale a cerca de 5% do valor completo da campanha de Dias em 1998 (R$ 391 mil).

Em depoimento a uma CPI sobre a Petrobras, em 2015, Youssef falou sobre as doações. “Na época, eu fiz a campanha do senador Alvaro Dias, e parte dessas horas voadas foi paga pelo [Luis] Paolicchi, que foi secretário de Fazenda da prefeitura de Maringá, e parte foram doações mesmo que eu fiz das horas voadas”, disse ele.

Comentários

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar consulte Mais informação