The news is by your side.

Prefeito de Chapada diz que réveillon não foi responsável por aumento de casos

Da Redação

 

O prefeito de Chapada dos Guimarães, Osmar Froner (MDB), afirmou que a festa de réveillon na cidade, ao contrário do que dizem os críticos, não foi a causadora da explosão de casos no município. O gestor citou pessoas que se contaminaram em eventos familiares e até evangélicos que alegaram que estiveram em cultos durante Natal e Ano Novo. Osmar ainda afirmou que quando decidiu fazer o evento, os índices de Covid-19 eram baixos e mostrava segurança para tal.

“Nós tomamos a decisão de promover os eventos de final de ano em Chapada bem antes do período natalino, os nossos indicadores eram bastante seguros, primeira dose 103%, a segunda 97%, a dose de reforço sendo reduzidas de seis meses para quatro meses a vacinação dos jovens de doze a oito anos praticamente toda coberta e a vacina em andamento. Mais de cem dias sem casos de Covid”, explicou.

Segundo o prefeito, um evento realizado pela Prefeitura, com a presença da Polícia Militar, equipes de saúde e equipe administrativa, seria mais seguro e organizado do que a visita da população sem nenhuma ordem. Ele ainda afirmou que o público que visitou a Chapada era principalmente de famílias que têm casas de veraneio na cidade e que respeitou as regras.

Os dados mostram o aumento de casos na cidade. No Boletim Epidemiológico da Covid-19 de Chapada dos Guimarães divulgado no dia 29 de dezembro de 2021 havia três pessoas em isolamento e nenhuma hospitalização. Além disso, apenas um novo caso havia sido notificado. Já na quarta-feira (5), foram notificados 22 novos casos. Ainda conforme o Boletim Epidemiológico, há uma pessoa hospitalizada e três em acompanhamento.

O prefeito reafirma que a causa não é o réveillon. “São casos bastante identificados em famílias e em pessoas que tiveram duas doses contra a Covid, algumas com a doses de reforço, passaram muito no seio familiar durante as festividades de Natal, algumas não foram no show e nem saíram na rua, outras saíram na rua e foram no show, três pessoas são evangélicas e demonstram que estiveram no culto e que estiveram no seio familiar”, afirmou.

Comentários

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar consulte Mais informação