The news is by your side.

Prefeito não descarta novo colapso na saúde com aumento de casos

 

 

O prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) não descartou um colapso na saúde do município devido ao aumento de casos de covid-19, síndrome respiratória aguda grave (SRAG) e surto gripal registrados nos últimos dias. Mas garantiu que a Saúde está pronta para enfrentar a nova onda, inclusive aumentando o horário de atendimento das unidades básicas de saúde, que não irão fechar para horário de almoço.

“Determinei que as unidades básicas de saúde, temos 100 em Cuiabá, abram das 7h às 17h. No horário de almoço, não vai fechar. E se for necessário, serão abertas aos finais de semana também. Nesse novo decreto, dei poder à secretária de Saúde, Suelen Alliend, que suspenda as férias dos servidores, se houver necessidade, e determine a abertura nos finais de semana”, ressaltou.

Por enquanto, o Município não deve adotar nenhuma outra medida ‘gravosa’. Segundo o prefeito, Cuiabá tem monitorado o aumento de casos, principalmente por causa da procura das unidades básicas de saúde, que se mostram eficientes no atendimento secundário e básico dos casos de surto gripal.

“Por enquanto, com a imunização avançando, tendo 900 mil doses aplicadas [de reforço], estamos apenas monitorando a situação. Mas tudo que estiver que ser feito para proteger a vida e a saúde dos cuiabanos, iremos fazer. No momento, nenhuma medida grave será tomada. Há uma preocupação, uma ameaça sim, de colapso na rede de saúde, mas estamos no controle. Cuiabá está sempre à frente e continuará”, disse.

Emanuel garantiu que já determinou em medida de urgência a compra de testes para detectar a covid-19. “Tínhamos toda uma estrutura para realizar os testes, mas de uma hora para outra aumentou muito a procura. Então já determinei a compra de mais testes, mas temos que esperar o processo correr. A determinação é de urgência, mas no prazo normal”, afirmou.

O prefeito também disse ter visto com preocupação a resposta do governador Mauro Mendes (DEM) sobre não reabrir o Centro de Triagem, na Arena Pantanal. “Fiquei preocupado. Eu entendo ser o momento adequado para abrir, em parceria e união de esforços com municípios, para combate a pandemia. Temos que tomar nossas medidas então”, finalizou.

Comentários

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar consulte Mais informação