The news is by your side.

Luto pela morte da Justiça

 

Em um processo onde a vítima é o próprio relator, o plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) condenou o deputado federal Daniel Silveira (PTB-RJ) a oito anos e nove meses de prisão. O parlamentar é acusado de estimular supostos “atos antidemocráticos” contra as instituições. Por isso, segundo o entendimento dos ministros, terá o mandato cassado, perderá seus direitos políticos e precisará pagar uma multa superior a R$ 190 mil.

A deputada federal Carla Zambelli (PL) mostrou sua indignação e fez críticas à decisão da Corte em seu perfil no Twitter. “O STF enterra a democracia e condena Daniel Silveira por 10 votos a 1”. “STF condena Daniel Silveira à perda do mandato e dos direitos políticos e a 8 anos e 9 meses de prisão, mais uma prova que a democracia brasileira que já estava morta, agora está enterrada. Estamos em luto!”, afirmou a deputada.

Comentários

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar consulte Mais informação